Princípio 03 – Aprender a melhorar é vital!

Para entender bem este princípio, vou começar com 3 perguntas poderosas para provocar sua reflexão:

a) Quais sistemas, processos e ferramentas você tem para obter feedback abertamente sobre sua organização? Quão fáceis de usar e disponíveis estão essas ferramentas para todos os níveis de sua força de trabalho?

b) Quão aberta é sua organização para realmente receber feedback honesto sobre suas operações? Você abraça as áreas críticas e questiona as áreas com bom andamento? Com que frequência você pune os mensageiros de feedback, por exemplo, atribuindo-lhes mais trabalho.

c) Quão comprometida está sua organização em fazer mudanças com base nas informações que você obtém de seus funcionários? Se você pedir feedback (bom ou ruim), também deve fazer algo com o feedback que coletar; a confiança é construída fazendo acordos com seus trabalhadores e, mais importante, implementando estes acordos em tempo hábil ou respondendo as suas equipes, o porque da não implementação.

Gostaria de repassar alguns fundamentos importantes para a consecução exitosa deste princípio.

  1. O aprendizado é uma escolha estratégica e operacional para a melhoria.
  2. Saber como o trabalho é realizado é difícil.
  3. Os trabalhadores são os especialistas e profundos conhecedores de como o trabalho é realizado.
  4. Aprender com os nossos erros e com os erros dos outros após o fato é reativo, porém importante para a melhoria contínua. A melhoria do desempenho humano requer uma combinação da abordagem reativa com proativa.

As organizações devem definir o que é confiabilidade operacional. Tradicionalmente as organizações medem seu desempenho por intermédio da totalização, ausência ou presença de eventos ou incidentes. As organizações precisam medir sua capacidade de trabalhar segura, com indicadores proativos, mensuráveis e analisados periodicamente pelas lideranças.
Um caminho a ser seguido, é estabelecer o que chamamos de “Times/Comitês de Aprendizado”. Times multidisciplinares organizam encontros para discutir “como trabalhar ainda mais seguro”, mas lembre-se, níveis organizacionais mais altos possuem excelente influência na gestão, porém os mais expostos são os trabalhadores. Estes trabalhadores que estão no dia-a-dia, poderão ajudar muito a ressignificar algumas regras, alguns métodos de trabalho ou quebrar alguns paradigmas em prol de um ambiente mais seguro.

FAÇA DIFERENTE, APRENDA COM SEUS TRABALHADORES.

Confira também os artigos abaixo

Princípio 05 – Como os líderes reagem ao fracasso

Para alinharmos nossos entendimentos, irei começar por alguns fundamentos do princípio 5: a) Este princípio direciona a organização para dois lugares distintos. O primeiro é CULPAR E PUNIR ou APRENDER E MELHORAR, porém IMPOSSÍVEL estar em ambos os lugares. b) Os...

Princípio 04 – O Contexto Impulsiona o Comportamento

Para entender e alinharmos nossos entendimentos, irei começar por alguns fundamentos do princípio 4: a) Os trabalhadores fazem o que fazem por uma única razão, a razão é que faz sentido para o trabalhador dado o contexto que ele vive e trabalha.b) Sistemas complexos...

Princípio 02 – Culpar não resolve nada

Todos se lembram que nós Seres Humanos cometemos de 5 a 7 erros por hora, não se trata de um número cabalístico, mas são estimativas feitas por pesquisadores do desempenho humano. Em sendo assim, culpar as pessoas que erram seria um contrassenso, não acham?,Bom,...

Princípio 01 – As pessoas cometem erros

Estudos a respeito de desempenho Humano e Organizacional tentam encontrar um número cabalístico de quantos erros os Seres Humanos cometem. Não temos certeza se este número esta correto, mas alguns autores diz que cometemos de 5 a 7 erros por hora, incrível não?? É...

HOP: Human And Organizational Performance – Desempenho humano e organizacional

Vamos falar sobre o “Desempenho Humano e Organizacional”- HOP. Por ser um tema um tanto quanto extenso, vamos dividi-lo em 5 partes, e por quê 5 partes?, porque são 5 princípios e irei pautar um princípio por capítulo, neste primeiro capítulo, irei contextualizar um...

27 de Julho Dia Nacional de Prevenção de Acidentes de Trabalho

A data é um marco histórico na luta dos trabalhadores por melhorias nas condições de segurança e saúde no trabalho.   O dia propõe uma reflexão sobre como os ambientes e processos de trabalho podem determinar tanto a saúde quanto os acidentes e o adoecimento dos...

Use a Gestão de Resíduos para proporcionar preservação ambiental, ganhos financeiros, ações sociais e conformidade legal

O que é resíduo Tudo que não tem mais utilidade direta para sua empresa e precisa ser descartado, é um resíduo. Dentre eles papel, plástico, papelão, vidro, madeira, eletrônicos, efluente, produtos químicos, hospitalar, entulho, lâmpadas, contaminados, etc. Por que...

O que são aspectos e impactos ambientais?

Aspecto ambiental é qualquer elemento que interage ou pode interagir com o meio ambiente de forma positiva ou negativa – resíduos, emissões atmosféricas, efluentes, produtos químicos, consumo de água, consumo de energia, consumo de materiais diversos. Impacto...

ISO14001 – Sistema de Gestão Ambiental

Através de uma combinação de controles administrativos e operacionais, a Gestão Ambiental tem como objetivo principal identificar e gerir seus aspectos significativos, de forma a mitigar ou eliminar os impactos negativos ao meio ambiente. Além disso, atender a...

ISO 45001

Requisito 5.4 Consulta e Participação dos trabalhadores Em maio de 2018 foi publicada a norma ISO 45001 como atualização da norma OHSAS 18001:2007, destacando o trabalhador como a principal parte interessada do Sistema de Gestão de Segurança e Saúde Ocupacional e...

Entre em contato!

Endereço

Alameda João Galego, 174
Santa Maria, São Caetano do Sul – SP
Cep: 09560-340