27 de Julho Dia Nacional de Prevenção de Acidentes de Trabalho

27 de Julho Dia Nacional de Prevenção de Acidentes de Trabalho

A data é um marco histórico na luta dos trabalhadores por melhorias nas condições de segurança e saúde no trabalho.

 

O dia propõe uma reflexão sobre como os ambientes e processos de trabalho podem determinar tanto a saúde quanto os acidentes e o adoecimento dos trabalhadores. Mais ainda, evidencia a necessidade de adoção de medidas e ações preventivas para mudar o atual cenário de fatalidades dos trabalhadores no Brasil.

A Afam incentiva fortemente o uso de uma ferramenta simples, porém poderosa para identificar situações que antecedem os eventos acidentais, e que se bem observadas e trabalhadas podem evitar ou reduzir significativamente os acidentes – a PIRÂMIDE DE PERDAS.

De forma convencional, a pirâmide de perdas apresenta uma sequência de conceitos e eventos que devem ser registrados e trabalhados – desvios, incidentes, acidentes leves, acidentes graves, acidente fatal.

Entretanto, muitas vezes nós simplesmente não observamos, não damos importância, ou até mesmo ignoramos esses “avisos”, que são os precursores dos acidentes.

Através do uso de uma metodologia simples, usando recursos simples e baratos, as organizações podem implantar um cartão para relato de desvios, onde todos os funcionários e terceiros, de todos os níveis da organização são treinados e incentivados a observar e relatar situações de risco. Quanto mais relatamos os “avisos” que antecedem os acidentes, mais condições temos de estabelecer “barreiras” para que os acidentes não ocorram, ou pelo menos sejam reduzidos. De forma mais aprofundada, podemos afirmar que a PIRÂMIDE DE PERDAS não se inicia nos desvios, mas sim em fatores muito mais complexos – gatilhos comportamentais, crenças, valores e cultura da empresa. Para trabalhar esta parte mais complexa da pirâmide, a Afam oferece soluções adicionais e mais abrangentes, como a implantação de programas de Cultura de Segurança, programas para desenvolvimento de líderes, processos de coaching e mentorias.

A Segurança e Saúde no Trabalho é o nosso maior valor como empresa no segmento de consultoria, auditoria e treinamento. Nossa maior satisfação é saber que estamos na linha de frente junto aos nossos clientes, cuidando e zelando por vidas!

ISO 45001

ISO 45001

Requisito 5.4 Consulta e Participação dos trabalhadores

Em maio de 2018 foi publicada a norma

ISO 45001 como atualização da norma OHSAS 18001:2007, destacando o trabalhador como a principal parte interessada do Sistema de Gestão de Segurança e Saúde Ocupacional e definindo o requisito 5.4, específico para o tema. “Consulta e participação dos trabalhadores”.

Isso deve ocorrer em todos os níveis e funções da organização, incluindo os trabalhadores não gerenciais e seus representantes, através de canais de comunicação bidirecionais, garantindo interação e voz ativa, que deve ser considerada pela Organização antes de uma tomada de decisão. Ouvir os trabalhadores, suas necessidades e expectativas é a forma mais eficaz de obter sucesso e alcançar os resultados pretendidos com o sistema de gestão.

Através da CIPA ou de Representante identificado, os trabalhadores devem ser consultados (ex.: conversa informal individual ou dinâmica de grupo, que os incentive a mencionar o que não pode faltar na empresa, situações que os impede de trabalhar melhor, seus desejos e como a organização pode ajudá-los a alcançar); essas informações devem ser documentadas.

A norma determina que a Organização deve remover ou minimizar barreiras que possam impedir a participação dos trabalhadores (barreira linguística, de alfabetização, represálias, penalizações). Sendo assim, torna-se imprescindível a criação de uma forte Cultura de Segurança e Saúde Ocupacional, voltada à preservação das pessoas e capaz de fazer com que os trabalhadores se identifiquem como principal personagem do sistema de gestão.

Veja os benefícios de se implantar a ISO 45001 – Sistema de Gestão de Segurança e Saúde Ocupacional.

Veja os benefícios de se implantar a ISO 45001 – Sistema de Gestão de Segurança e Saúde Ocupacional.

Objetivo da ISO 45001 e seus benefícios.

Por meio da gestão de riscos e prevenção de acidentes de trabalho, a ISO 45001 promove melhora no desempenho de empregados e empregadores, além de assegurá-la diante de normas trabalhistas.

Segundo publicação da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas):

David Smith, presidente do comitê da ISO/PC 283, que desenvolveu a ISO 45001, acredita que a nova Norma Internacional será uma verdadeira mudança para milhões de trabalhadores: ‘Espera-se que a ISO 45001 leve a uma grande transformação nas práticas no local de trabalho e reduza o trágico número de acidentes e doenças relacionadas ao trabalho em todo o mundo’. A nova norma ajudará as organizações a fornecer um ambiente de trabalho seguro e saudável para os trabalhadores e os visitantes, melhorando continuamente a performance de Segurança e Saúde Ocupacional.

Impacto da certificação 45001 e benefícios para as empresas

Os benefícios de implantar a ISO 45001 vão além do reconhecimento externo, embora o impacto à imagem da empresa seja um grande diferencial. Os benefícios de um Sistema de Gestão da Segurança e Saúde Ocupacional incluem:

Mudança na cultura e na gestão estratégica da empresa;

Compliance e adequação à legislação trabalhista;

Prevenção de riscos a acidentes e doenças ocupacionais;

Melhora na produtividade e clima organizacional da empresa

Redução de custos e reconhecimento externo.

Como implementar a ISO 45001

A ISO45001 é aplicável a qualquer segmento e a qualquer tamanho de empresa.

Uma empresa que já é certificada pela norma OHSAS 18001, ou que também já possui outras certificações, poderá migrar ou implantar a ISO 45001.

As etapas da Afam para a implantação da ISO 45001 são:

  • Diagnóstico inicial
  • Implantação das ações baseadas no diagnóstico
  • Capacitação
  • Auditoria interna
  • Ações pós auditoria interna
  • Ações pós auditoria de certificação fase 1
  • Entrega do sistema para receber a certificação.

Acesse nosso site e saiba mais

Baixe gratuitamente nossos e-books relacionados ao tema

  • Interpretação dos requisitos da ISO45001
  • Percepção de riscos
  • Observação de comportamento
  • Diálogos de segurança
  • Cultura de Segurança

https://afamconsultoria.com.br/ebooks/

Dia Mundial da Saúde

Dia Mundial da Saúde

Segundo a Organização Mundial da Saúde, para uma pessoa ser saudável, não basta a ausência de doenças. A OMS aponta que, para se ter saúde é preciso que haja o bem-estar completo: Físico, Mental e Social.

Saúde e Trabalho

Existem alguns fatores que influenciam a saúde de uma pessoa, como infância saudável, status social, gênero, cultura, educação, genética, ambientes que frequenta e condições de seu trabalho. Manter a mente bem nos proporciona uma vida mais tranquila, superando sentimentos ruins, como estresse, tristeza, insegurança, raiva, ansiedade.

O ideal é estimular a capacidade de controlar os comportamentos que influenciam nossas atividades cotidianas. Um trabalhador estressado, ansioso tem dificuldades para se concentrar, não consegue interagir com a equipe e apresenta uma queda de produtividade. Assim como um trabalhador que não tem saúde física, não consegue desempenhar suas funções adequadamente. Além disso, fica mais vulnerável a acidentes.

Visando o bem de todos, a Afam possui ferramentas de qualidade de vida em seu programa Cultura de Segurança que podem melhorar a saúde física e emocional dos trabalhadores, e por consequência prevenir a ocorrência de eventos acidentais.

Levantamento e Controle de Perigos e Riscos

Levantamento e Controle de Perigos e Riscos

A ferramenta central para o seu sistema de segurança e saúde ocupacional

Conceitos:

Perigo – fonte ou situação com potencial para causar lesões ou problemas de saúde.

Risco – probabilidade da ocorrência dos danos dos perigos

Lesões ou problemas de saúde – Efeito das consequências dos perigos

Porque a identificação e controle dos perigos é tão importante?

Por que quando identificados e analisamos o quão grave podem ser os efeitos dos perigos, conseguimos implantar controles operacionais e administrativos visando a mitigação, substituição ou eliminação desses perigos, e consequentemente a prevenção de acidentes ou problemas de saúde.

A partir do levantamento dos perigos, uma empresa poderá implantar todas as ferramentas operacionais e administrativas de forma correta e direcionada: controles de engenharia e infraestrutura, procedimentos e instruções de trabalho, treinamentos, outros. A minimização destes riscos deve ser prioridade nos objetivos da empresa, para que isso seja possível, muitas técnicas prevencionistas estão disponíveis no mercado e devem ser utilizadas.

A Afam dispõe de metodologias simples e eficazes para o levantamento e controle de perigos e riscos, e estamos dispostos a compartilhar com você de forma totalmente gratuita.

Baixe nosso e-book de Levantamento de Perigos e Riscos e saiba mais

https://afamconsultoria.wixsite.com/afamconsultoria/ebook-laia-lpr

Dia Mundial da Segurança do Trabalho

Dia Mundial da Segurança do Trabalho

Conheça mais sobre a data internacional sobre SSO

O Dia Mundial da Segurança e Saúde no Trabalho acontece no Brasil desde 2005, e foi criado pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) em 2003. O dia 28 de abril, no qual há ações em indústrias e comunidades por todo o mundo, também remete à memória de todos os trabalhadores mortos ou contundidos no trabalho. Por isso, oficialmente no Brasil, a data se chama Dia Nacional em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho.

O site da OIT não menciona o porquê da escolha da data. Entretanto, houve nos Estados Unidos dois acidentes parecidos neste dia, que podem ter inspirado. Em 1914, no estado de Virgínia do Leste, houve uma série de explosões na mina Eccles, devido ao excesso de metano, que causou a morte de 186 mineiros. Exatamente dez anos depois, no mesmo estado, 119 pessoas morreram na explosão da mina Benwood.

Mineiros são retirados dos escombros da mina Benwood, em 1914 (http://www.wvculture.org/history/thisdayinwvhistory/0428A.html)

De acordo com o Ministério Público do Trabalho (MPT) e a Previdência Social, entre 2014 e 2018, foram registrados no Brasil 1,8 milhão de afastamentos por acidente de trabalho e 6,2 mil óbitos. As atividades que mais foram perigosas são o atendimento hospitalar, comércio varejista, administração pública, construção civil e transporte de cargas.

A OIT pauta temas para cada ano e, em 2020, o tema será a violência e o assédio no trabalho. Como parte da campanha, a OIT produzirá um relatório global que incluirá, por exemplo, a incorporação de disposições relacionadas à violência e assédio nas leis, regulamentos e acordos coletivos de SSO e o desenvolvimento de padrões para apoiar a implementação de programas e medidas preventivas.

Em relação ao assédio no trabalho, numa pesquisa realizada pela VOCÊ S/A, 34 das mulheres afirmaram que já foram assediadas, enquanto nos homens, esse número é de 12 . Por esses dados, o MPT estabeleceu, em 2017, a Política Nacional de Prevenção e Enfrentamento ao Assédio Moral, Sexual e à Discriminação.

A Afam Consultoria apoia o Dia Mundial da Segurança e Saúde no Trabalho e está à sua disposição para consultorias, treinamentos e eventos que podem agregar valor à sua gestão de SSO. Entre em contato conosco aqui!